logo

Select Sidearea

Populate the sidearea with useful widgets. It’s simple to add images, categories, latest post, social media icon links, tag clouds, and more.
[email protected]
+1234567890

Como um Gerenciador de Senhas ajuda na segurança das conexões

A Segurança é uma das principais preocupações no uso da internet, principalmente neste momento em que recorremos à rede para fazer praticamente tudo.

Qualquer brecha se torna um ponto vulnerável para hackers acessarem dados e roubarem informações.

De acordo com Institutos de Pesquisa, 81% das violações em empresas são ocasionadas pelo uso de senhas fracas. Isso custa às empresas um prejuízo financeiro de milhões de dólares.

Um dos meios de garantir mais segurança na internet é fortalecendo as credenciais, utilizando senhas fortes e guardando-as em um cofre digital.


Vantagens do Cofre Digital

Um Gerenciador de Senha é capaz de armazenar diversas informações importantes, como: identidades, senhas, dados financeiros etc. Usando criptografia, ele guarda as senhas em um banco de dados seguro, permitindo que os colaboradores acessem recursos sem necessitar digitar nenhuma senha, preenchendo formulários online e autenticando através da senha mestra.

Além de todos estes benefícios, o VaultOne, por exemplo, possui recurso de rede virtual privada (VPN) e chat criptografados para dúvidas e informações.

O Gerenciador de senha é o segundo passo após a segurança básica (firewall, antivírus) e não menos importante, uma vez que protege as credenciais, que é a porta de entrada para os acessos. É recomendado para qualquer empresas de qualquer porte, um investimento imprescindível para gerenciar informações e proteger os negócios.


Um bom gerenciador precisa ter as seguintes funcionalidades:

  1. Ter uma senha mestra: Requer que cada colaborador memorize e guarde com segurança sua senha principal para se logar no Cofre de Senhas.
  2. Ter uma captura automática para senhas: Salva automaticamente as senhas, sempre que alguém digitar uma credencial, poupando tempo.
  3. Ter um recurso de preenchimento automático: Preenche as senhas, evitando que o usuário tenha que lembrar e digitá-las novamente.
  4. Ter um gerador de senhas: Cria senhas complexas e seguras, dificultando que sejam descobertas.
  5. Fornecer um relatório de força de senha: Analisa as senhas, informa quão seguras são e indica como poderia torna-las mais forte, fornecendo senhas fortes no lugar das fracas.
  6. Ter autenticação de dois fatores: Requer uma confirmação humana e manual para confirmar o acesso, que geralmente depende de outro dispositivo, pois a verificação da permissão é realizada através de código enviado ao usuário.
  7. Ter um Acesso de emergência: Possui meios de recuperação cadastrados (telefone e e-mail, por exemplo), para o caso de esquecimento da senha mestra ou bloqueio fora do gerenciador de senhas.
  8. Conectar-se por VPN:  Provê uma camada extra de segurança, fornecendo uma conexão segura antes de fazer o login. Elimina problemas que poderiam ocorrer no caso que o usuário não possui uma conexão segura, protegendo as senhas e o dispositivo.

Usar uma plataforma como a VaultOne permite que você, o proprietário da sua empresa e a sua propriedade intelectual, determinem como as contas privilegiadas são acessadas e gerenciadas. Também permite que você controle completamente sua segurança.

Você pode dar acesso a um usuário através do Vault One para uma determinada parte do seu negócio, sem que eles realmente vejam uma senha.


Fale hoje mesmo com nossos especialistas e aumente o nível de proteção de seus negócios.